A doação de sangue é um ato voluntário com o intuito de salvar muitas vidas. Por isso, a Organização Mundial da Saúde (OMS), em 2014, instituiu o dia 14 de junho como o Dia Mundial do Doador de Sangue. O dia escolhido é uma homenagem ao nascimento de Karl Landsteiner, imunologista austríaco responsável pela importante descoberta do fator Rh e por diferenciar os tipos sanguíneos.

A data serve como homenagem a todos os doadores de sangue e estímulo aos que ainda não doam para a importância deste ato.

Iniciativas

Campanhas de conscientização, como o Junho Vermelho e a iniciativa #PartiuDoarSangue, são fundamentais para mobilizar a sociedade civil e integrá-las ao poder público e a iniciativa privada. As campanhas podem ser realizadas em parceria com empresas, universidades, associações e outros grupos interessados em salvar vidas.

Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) mostram que 1,8% da população – 16 pessoas a cada mil habitantes – se dispõe a doar sangue, enquanto o ideal estipulado pela OMS seria 5%. As sucessivas campanhas de esclarecimento junto à população vêm ampliando esse cenário para aumentar no número de doadores em todo país. O Brasil conta atualmente com 32 hemocentros e 2 mil serviços de hemoterapia.

Parabéns!

O IOM celebra os doadores por esse gesto de generosidade e empatia. Seja para pessoas próximas ou um desconhecido, dispor do seu sangue e de alguns minutos é dar a oportunidade de uma vida inteira a quem necessita. Parabéns pelo seu dia!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor deixe seu comentário
Por favor insira seu nome